“As forças políticas que governam a Itália têm que ser conscientes das suas responsabilidades. Se não acontecer uma clara assunção de responsabilidade e os compromissos não forem coerentes, porei meu cargo nas mãos do presidente da República”, afirmou Conte em entrevista coletiva na sede do governo em Roma.