quarta, 08 de abril de 2020

SAÚDE

Presidente Laerte Gomes prestigia inauguração de equipamento de radioterapia de alta tecnologia no Hospital de Amor da Amazônia

21/02/20 14:56

Parlamentar anunciou doação de R$ 4 milhões para a entidade considerada maior centro de tratamento oncológico do Norte do país

Na manhã desta quinta-feira (20), o presidente Laerte Gomes (PSDB), esteve no Hospital de Amor da Amazônia (HA) para prestigiar a inauguração do segundo acelerador de partículas linear, equipamento de radioterapia para o tratamento de câncer. O aparelho, de alta tecnologia, permitirá ao HA, duplicar o número de pacientes atendidos por mês e terá capacidade de realizar cerca de 1.320 sessões de radioterapia.

Antes da inauguração, o presidente da Fundação Pio XII, mantenedora do Hospital de Amor, Henrique Prata, juntamente com o diretor executivo da entidade em Rondônia, Jean Negreiros, apresentou as autoridades, toda a estrutura do hospital, parte da equipe médica e equipamentos de última geração, responsáveis pelo atendimento de ponta oferecido gratuitamente pelo HA.

Além do presidente Laerte Gomes, acompanharam a visita o deputado Ezequiel Neiva (PTB), o governador Marcos Rocha (PSL), o secretário de Atenção à Saúde (SAS) do Ministério da Saúde (MS), Francisco de Assis Figueiredo e, mais tarde, se juntaram ao grupo, a deputada federal Silvia Cristina (PDT), o secretário de Estado da Saúde (Sesau), Fernando Máximo, os deputados estaduais, Aélcio da TV (PP), Geraldo da Rondônia (PSC), Cássia Muleta (Podemos), autoridades municipais e membros da comitiva do governador.

Em seu pronunciamento, Henrique Prata, falou do prestígio e da alegria de receber tantas personalidades, donas de responsabilidades oficiais no âmbito estadual, federal e municipal de Rondônia. O empresário destacou a “coisa honesta” que existe no Hospital de Amor e assegurou que esta é uma característica exclusiva da entidade.

“O que é feito aqui é feito para cada um que está aqui dentro. Não temos um médico que siga um protocolo mais ou menos. Aqui, nós temos o protocolo mais honesto, mais correto que existe dentro das referências de qualquer país de primeiro mundo”, declarou Prata.

Segundo ele, o novo aparelho de radioterapia inaugurado no HA, será utilizado com base nas regras rígidas de um protocolo internacional. Henrique Prata também comentou os números financeiros do Hospital de Amor, das despesas, do déficit, dos repasses e das colaborações que a entidade recebe e que precisa continuar recebendo para permanecer sendo o maior centro de tratamento oncológico gratuito da região Norte do Brasil.

Presidente Laerte Gomes prestigia inauguração de equipamento de radioterapia de alta tecnologia no Hospital de Amor da Amazônia-20Fev20-Diego Queiroz-Decom-ALE-RO (8)

O governador Marcos Rocha assegurou que o Estado se manterá parceiro do Hospital de Amor “para garantir que a entidade possa continuar dando o atendimento de excelência que ela já oferece tanto em Rondônia, como em Barretos, interior de São Paulo e, futuramente, em outros estados brasileiros”, citou.

Já o presidente Laerte Gomes destacou que o Hospital de Amor representa o maior patrimônio do estado de Rondônia. Segundo o deputado, Rondônia é um estado privilegiado entre os demais.

“Primeiro porque temos uma população dona de um coração absurdamente gigante. Se esse hospital hoje existe e está de pé, devemos ao povo desse estado, à população menos favorecida de Rondônia, a aquele cidadão que tem duas galinhas e oferece uma para o Leilão Direito de Viver, que angaria fundos para esse hospital ser essa potência em atendimento como ele é. E nós temos a obrigação de não deixar esse sonho parar, deixar sem funcionar”, enfatizou Laerte Gomes.

O presidente citou os leitos de internação, leitos de UTI e salas de cirurgias que estão parados por falta de recurso para serem colocados em utilização. O parlamentar destacou que já chega a cerca de R$ 2 milhões o déficit mensal do Hospital de Amor da Amazônia.

“E para resolver isso, nós enquanto Assembleia Legislativa, junto com o Governo do Estado, Governo Federal, vamos ter que dar o nosso jeito. O povo já fez a parte dele, agora é necessário que façamos mais, pois não há nada mais importante do que receber um atendimento de saúde de qualidade, humano e, o principal, gratuito, como faz o Hospital de Amor”, declarou o presidente da ALE.

O parlamentar anunciou o repasse de R$ 4 milhões que a Assembleia Legislativa fará para os custos do HA.

“Esse recurso é parte da economia de R$ 50 milhões que conseguimos, com o apoio de todos os deputados estaduais, fazer na Assembleia no ano passado. O dinheiro já está na conta e, conversando com o governador Marcos Rocha, ele de pronto, me confirmou que poderíamos liberar os recursos que ele repassaria ao Hospital de Amor. Esse foi um compromisso que fizemos e estamos cumprindo. Nossa grande meta agora é dobrarmos isso no ano que vem, e assim, contribuir para que tudo isso aqui, continue de pé. Parabéns Henrique Prata, pelo excelente trabalho. Vamos, todos juntos, trabalhar para acabar com esse déficit que você tem aqui. Obrigado a todos”, encerrou Laerte Gomes.

Presidente Laerte Gomes prestigia inauguração de equipamento de radioterapia de alta tecnologia no Hospital de Amor da Amazônia-20Fev20-Diego Queiroz-Decom-ALE-RO (1)

Fonte

Juliana Martins-ALE/RO  



Categorias: SAÚDE


DEIXE SEU COMENTÁRIO
Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site CORREIO DE NOTÍCIAS DE RONDÔNIA. Todos os mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

avatar
×

Olá! Em que posso ajudar?

× Como posso ajudar?