sábado, 28 de março de 2020

Contra preconceitos

17/03/20 10:13

Se há algo completamente inadmissível na sociedade é o preconceito, seja ele de qualquer espécie. Portanto, filmes que alertam para sua presença em diversas dimensões devem ser vistos, revistos e repensados. Esse é o caso de “Cicada Song”. Dirigido por Michael Starr, discute pelos menos dois assuntos essenciais.

O primeiro, que dá tônica à obra, é a denúncia da situação vivida por trabalhadores rurais nos EUA. Ilegais no país, sequer conseguem denunciar para a polícia, para não serem presos e deportados, que seus filhos são raptados e provavelmente traficados. A agonia dessas pessoas que não têm a quem recorrer é mostrada sem pieguice, de maneira objetiva, quase crua.

Além disso, quem busca desvendar essa situação é um casal de lésbicas, vivido por Lyndsey Lantz, uma personalidade forte na tela, e sua parceira, a sensual Jenny Mesa. Esta última interpreta uma personagem que vivencia duas condições naturais que o mundo lhe impõe como dores: ser de origem latina e homossexual.

O pano de fundo desse cenário é o desejo dos fazendeiros locais de aumentarem suas rendas literalmente a qualquer custo. E as pessoas desempregadas também aceitam qualquer ação e se dispõem a guardar qualquer segredo para manter o funcionamento de esquemas ilegais e antiéticos. O filme levanta essas questões com realismo, apontando sofrimentos diversos que não precisariam existir.

  • Por Oscar D’Ambrosio 



DEIXE SEU COMENTÁRIO
Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site CORREIO DE NOTÍCIAS DE RONDÔNIA. Todos os mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

avatar
PUBLICIDADE
×

Olá! Em que posso ajudar?

× Como posso ajudar?