sexta, 18 de outubro de 2019

GERAL

Igreja Universal distribui ingressos para fieis assistir filme “nada a perder 2”

20/08/19 11:57

O Correio de Notícias de Rondônia esteve no Porto Velho shopping, para assistir ao filme Velozes e Furiosos e acompanhar a movimentação. Na porta do cinema, duas obreiras da Universal distribuíam entradas gratuitamente para as sessões do Filme “Nada a Perder 2”. Ao abordar uma das obreiras, que se identificou como fiel da Igreja Universal, a reportagem conseguiu mais um ingresso para a sessão das 17h30min. Sem se identificar, pessoas abordadas pela reportagem também confirmaram que conseguiram ingressos através da igreja.

O Filme “Nada a Perder 2”, seqüência do filme recordista em número de ingressos vendidos no Brasil, com mais de 11,9 milhões  – teve sua estreia em 800 salas de cinemas de todo o país e teve 1,3 milhões em bilheteria. Mais de 1 milhão de ingressos vendidos, não de publico.

Pela terceira vez uma prática foi adotada pela Igreja Universal do Reino de Deus, a compra e doação de ingressos. No lançamento dos filmes “Nada a Perder” e “Os Dez Mandamentos”, a Universal comprou mais da metade dos ingressos na primeira semana de exibição das obras tendo ambas batido recordes de bilheteria. As salas anunciavam ingressos esgotados, mas estavam completamente vazias. O mesmo fenômeno ocorreu com o lançamento de “Nada a Perder 2” que teve 400 mil ingressos vendidos apenas no ultimo fim de semana, mas ninguém estava presente nos cinemas.

Segundo a reportagem do Correio, dois jovens, Tiago e Rafael que estavam no Cine Araujo de Porto Velho para assistir ao filme “Velozes & Furiosos”, disseram ter ganhado dois ingressos para o filme “Nada a Perder 2” de duas moças que segundo eles “estavam em frente a escada rolante abordando as pessoas e perguntando se elas tinham interesse em assistir o filme”.

Não existe ilegalidade no fato de a Igreja Universal comprar ingressos e distribuir para os fiéis. Porem, isso tira todo o crédito do filme e do próprio cinema nacional, que por sinal não é levado a sério pelos brasileiros. No Brasil o filme é visto como sucesso absoluto não pelo grande numero de vendas de ingressos e sim pelo publico nas salas de cinema. A famosa divulgação “boca a boca” é quem define o sucesso do filme, ou seja, quanto mais pessoas comentarem entre si sobre o filme mais sucesso, consequentemente terá mais publico nas salas de cinema, mas não foi isso que aconteceu com o lançamento do filme aqui na capital e em todo o Brasil.

Em seu site a Igreja Universal postou uma nota em que nela reclama da “velha fake news (notícia falsa, em inglês) sobre a bilheteria da obra cinematográfica”. Entre outras coisas, diz que “a mídia não se conforma com o incrível sucesso de filmes com temática espiritual no Brasil e tenta diminuir a importância do fenômeno”.

Confira: https://www.universal.org/blog/2019/08/14/imprensa-ignora-mobilizacao-social-que-leva-grande-publico-para-assistir-a-nada-a-perder-2/

Fonte

da Redação



Categorias: GERAL


DEIXE SEU COMENTÁRIO
Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site CORREIO DE NOTÍCIAS DE RONDÔNIA. Todos os mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

avatar
×

Olá! Em que posso ajudar?

× Como posso ajudar?