terça, 20 de agosto de 2019

ECONOMIA

Espírito Santo terá etapa do Circuito Nelore de Qualidade em agosto

17/07/19 16:31

O Espírito Santo receberá uma etapa do Circuito Nelore de Qualidade, na cidade de Colatina, em 29 e 30 de agosto deste ano. A iniciativa, promovida pela Associação dos Criadores de Nelore do Brasil (ACNB) e pela Associação Capixaba dos Criadores de Nelore (ACCN), acontecerá em unidade da Frisa. Pecuaristas da região já podem entrar em contato com o frigorífico e escalar seus animais para o abate (veja os contatos abaixo).

“O Circuito é uma ferramenta extremamente importante para avaliação dos animais, do sistema de produção, do manejo e da genética utilizada pelos pecuaristas. Fornecendo ao produtor informações detalhadas sobre idade, peso e cobertura de gordura nas carcaças de seus animais, podemos ajudá-lo a produzir o padrão desejado pelo frigorífico, buscando assim, melhor remuneração e propiciando ao consumidor um produto de melhor qualidade”, afirma o presidente da ACNB, Nabih Amin El Aouar.

Todos os pecuaristas, associados ou não à ACNB e entidades regionais, podem participar do Circuito Nelore de Qualidade, independentemente de tamanho do rebanho e foco da produção. Podem ser inscritos lotes a partir de 18 animais.

“Os três melhores lotes de machos e fêmeas são premiados com troféus, reconhecendo o bom trabalho realizado”, diz Nabih. Além dos troféus, os primeiros colocados entre os lotes de machos e fêmeas receberão 500 quilos de suplementos minerais da Matsuda Sementes e Nutrição Animal, que também apoia o circuito.

Contatos para inscrições – Para participar do Circuito Nelore de Qualidade, o produtor deve entrar em contato diretamente com a unidade da Frisa. Em Colatina, o contato é o telefone (27) 3723-3200, com Nilton. Para dúvidas sobre a iniciativa e as avaliações, acesse www.nelore.org.br.

Circuito Nelore de Qualidade – Criado em 1999, o Circuito fortalece e promove a genética da raça e a carne mais consumida no país, contribuindo para elevar a produtividade da pecuária nacional. Este ano, a iniciativa terá 26 etapas em 10 estados brasileiros, com a avaliação de 20 mil animais.

Fonte

Rafael Iglesias - Texto Assessoria



Categorias: ECONOMIA


DEIXE SEU COMENTÁRIO
Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site CORREIO DE NOTÍCIAS DE RONDÔNIA. Todos os mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

avatar
×

Olá!

Em que posso ajudar?

× Como posso ajudar?