domingo, 18 de agosto de 2019

ABANDONO

Sede social do Sitetuperon completamente abandonada

16/07/19 00:42

Porto Velho, RO – Não é só nos Estados Unidos e nos grandes centros do Brasil que os sindicatos podem está morrendo de inanição financeira ou moral. Aqui, na Capital rondoniense, o dos trabalhadores em transportes coletivos urbanos definha por conta e risco da atual diretiva da entidade.

Nessa semana, o CORREIO DE NOTÍCIA atendeu apelo da categoria de cobradores e motoristas de ônibus e constatou o estado de abandono quase proposital da sede social e campestre da categoria localizada à Rua Paulo Freire com a Rua 11 de outubro, no bairro Airton Sena, Zona Leste da capital.

O prédio, construído em gestões anteriores, na inicial, era lugar de lazer e entretenimento dos profissionais da categoria e os seus familiares, nos feriados e finais de semana. Havia calendário de esportes, com campeonatos internos (futebol e voleibol) e confraternizações programadas periodicamente.

– Havia a participação de todos, indistintamente, afirmou ex-dirigente do SITETUPERON, já aposentado.

Na atual diretiva da entidade, durante o período da gestão atual, o prédio da sede social dos trabalhadores dos coletivos ‘não se teve conhecimento sobre atividades sócio-desportivas, capacitação profissional, melhoria dos salários, recebimento das indenizações, seguro desemprego compatível, plano de saúde ampliado, tampouco, programa de contratações’, alegou a fonte.

A desativação da maioria dos programas de atenção aos associados, entre os quais, destaca-se a realização de campeonatos (futebol, voleibol e outros) levados a eles na sede social, atualmente, se refletem o descaso e o afrouxo com o bem-estar dos associados cobradores, motoristas e seus dependentes, denuncia motorista do terminal do COHAB que funciona aporta de bar, na Zona Sul.

O prédio, de acordo com vizinhos das ruas Paulo Freire e 11 de outubro, ‘o estado de conservação é deplorável, além de se torna verdadeiro esconderijo de ladrões e dependentes químicos do Airton Sena e adjacências, desde o início deste ano. A energia foi cortada, os desocupados adentram as instalações da sede pelos portões e muros, porém, repletos de lixo e entulhos.

Apesar de o estado de abandono e afrouxo dos dirigentes atuais do SITETUPERON, um grupo de associados ouvidos pela Reportagem que foi ao local no último final de semana, constatou o fechamento da sede social, e disse que o caso será levado a uma possível assembleia-geral extraordinária que tratará dentre outros assuntos, ‘da inanição financeira porque passa os associados com ameaças de demissão a toda a hora por parte do Consórcio SIM’.

Fonte

Da Redação/CNR



Categorias: GERAL


DEIXE SEU COMENTÁRIO
Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site CORREIO DE NOTÍCIAS DE RONDÔNIA. Todos os mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

avatar
×

Olá!

Em que posso ajudar?

× Como posso ajudar?